Machista, Jota Bastos “repórter” dedica todo o seu programa a ataques violentos à prefeita de Eunápolis Cordélia Torres 

“Oposição é o ato ou efeito de se opor ou se opor a algo ou alguém. Na política especificamente, refere-se aos partidos políticos contrários ao atual governo”.

O trecho acima retirado da Wikipedia descreve bem o significado de oposição, mas o que Jota Bastos faz em seu programa Conecta Extremo Sul e no site jbastosreporter.com.br é uma mistura de ódio, ataques e perseguições a seus inimigos políticos.

Agora em quatro rádios diferentes (Ativa Fm 92.70, Banda 96.30, Baianão Fm 104 e Nativa Fm 101.9), o rude e antiético jornalista Jota Bastos dedica sua quase 1 hora de programa perseguindo a então prefeita de Eunápolis Cordélia Torres, com músicas como “jogar no lixo” (referindo-se a jogar a prefeita no lixo), ele demonstra todo o seu nojo e machismo pela mulher que hoje ocupa o cargo mais importante da cidade de Eunápolis.

Vale lembrar que o passado de Jota Bastos já é cheio de confusões. Em 2017, Professores e servidores públicos realizaram manifestação no centro da cidade de Eunápolis contra a reforma da previdência e durante o protesto os manifestantes foram contra o radialista Jota Bastos, que na semana anterior fez graves ataques à turma de professores em seu programa na ativa FM rádio na época.

“Bom, internautas, professores choram de barriga cheia”

Devido às críticas dos professores a Jota Bastos, ele foi afastado da rádio, mas logo foi recolocado no cargo em grande parte por Robério Oliveira ser o dono da rádio e depender dele fazer ataques à oposição do ex-prefeito e provavelmente deve ganhar um extra pelo “trabalho sujo”.

Bem, ser oposição a qualquer político não é crime, mas deferir  ataques e fake news como este senhor faz diariamente em seu programa encaixa fácil em uma nova lei que tramita no congresso: O Projeto de Lei nº 2.630/2020 visa criar a Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet, conhecida como Lei das Fake News. O objetivo é prevenir a propagação de notícias falsas, definindo diversas obrigações e diretrizes para provedores de internet, redes sociais, mensageiros e buscadores, e mídias como o rádio. Essa lei ainda não está em vigor, mas seria interessante que os ouvintes dessas quatro rádios Ativa Fm 92.70, Banda 96.30, Baianão Fm 104 e Nativa Fm 101.9 repudiassem os ataques desse “jornalista”.

Author: DoveCameron

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *