Meta anuncia 3ª onda de demissões em quadro de funcionários

A crise econômica que afeta o mundo todo aparentemente chegou no Facebook também, a empresa Meta que controla as redes sociais do bilionário Mark Zuckerberg começou uma onda de demissões em seu grupo de funcionários.

Apesar da Meta negar oficialmente, diversos funcionários confirmaram em outras redes sociais que foram desligados da empresa.

Confira abaixo as áreas afetadas:

  • Área de operações
  • Gerenciamento de projetos
  • Marketing
  • Política
  • Comunicações
  • Análise de risco

A meta possuía cerca de 87.314 mil funcionários, mas com o agravamento da crise, o corte de pessoal se fez necessário.

A primeira onda de demissões na Meta foi anunciada em novembro e causou o desligamento de cerca de 11.000 mil funcionários ao todo.

Na segunda leva de desligamentos em março, 10.000 mil ficaram desempregados, o que causará ao todo uma redução de 25% no quadro de pessoal da empresa.

Mark Zuckerberg já tinha anunciado a onda de desligamentos anteriormente. A empresa precisa se encaixar nos novos moldes de crise que afetam o mundo , além das recentes quedas de receita , competição acirrada com twitter, Tik Tok e outras redes sociais que chegam no mercado. Segundo o Ceo, a empresa está no “ano de eficiência”.

E a estratégia está dando certo, a meta registrou um aumento no mercado de ações, depois que as receitas da empresa saltaram 3% nos últimos 3 meses.

Author: DoveCameron

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *